Idioma Equivalências Métodos de Avaliação Vagas Valor da Bolsa
Inglês

Tópicos de Engenharia Biomédica / Polymers in Medicine;

Opção I / Biossensors and Biochips;

Métodos de Imagem Médica; 

Opção II / Biology I;

Bloco Livre / Principles of TBM.

Apresentações e testes escritos ou Exames
2
340€/mês

Inês Neves

Aluna de Engenharia Biomédica | 4º ano

Entrevista feita no dia 15 de Maio de 2020

Ano de Erasmus: 4º ano/ 1º semestre.

Localização: A residência em que fiquei encontra-se próxima da faculdade e de um supermercado, pelo que é possível ir a pé para ambos a partir de casa. O mesmo não acontece com o centro da cidade, mas com a paragem de autocarro à entrada da residência, chega-se ao centro dentro de uns 15 minutos.

Equivalências:

  • Tópicos de Engenharia Biomédica / Polymers in Medicine
  • Opção I / Biossensors and Biochips
  • Métodos de Imagem Médica 
  • Opção II / Biology I
  • Bloco Livre / Principles of TBM

Idioma das aulas: Inglês. 

Método de avaliação: Apresentações e testes escritos.

Reputação: Referência europeia nos campos da Medicina, Engenharia e Economia, a Universidade de Ulm figura com frequência nas primeiras posições dos rankings universitários da Alemanha.

Vagas: Duas vagas para estudantes de engenharia física ou biomédica.

Área de foco do mestrado: Física, mas podem ser escolhidas quaisquer cadeiras nos diversos departamentos da faculdade.

Valor da bolsa: 257 euros/mês durante 6 meses (1542 euros no total).

Preço do alojamento: 250 euros/mês.

Orçamento mensal em alimentação: 150 – 200 euros/mês em alimentação e mais 120 euros por um passe trimestral de transportes (dá para usar todos os transportes na zona de Ulm).

Pontos de interesse: Ulm Münster, Blautopf, Wiblingen abbey, Ulmer Rathaus, Downtown, Ludwigsfelder Baggersee.

Acolhimento: O primeiro mês (setembro) é de introdução, durante o qual são oferecidas aulas de Alemão, com os restantes alunos de ERASMUS. Para além disso, durante o semestre são organizadas algumas atividades pelo departamento internacional. Este departamento funciona muito bem, no sentido de resolver os problemas. Uma das iniciativas da faculdade que me ajudou bastante foi o facto de, a cada aluno de ERASMUS, ser atribuído um aluno daquela faculdade como um tutor/amigo.

Experiência (outros comentários): Foi uma experiência bastante enriquecedora. No início começou por ser muito desafiante, uma vez que fui sozinha, mas acabou por me permitir desenvolver grandes amizades com pessoas de outros países. A melhor situação a nível de ensino foi tido a possibilidade de visitar o centro de investigação de uma das maiores companhias farmacêuticas, Boehringer Ingelheim, devido à cadeira Biossensors e Biochips.

Ângelo Bumanglag

Aluno de Engenharia Biomédica | 4º ano

 

Entrevista feita no dia 28 de Maio de 2020

Ano de Erasmus: 4ºano (2019).

Localização: Fiquei numa residência perto da cidade, a 8 minutos da faculdade. É a própria universidade que fornece alojamento. No entanto, depende um bocado porque a cidade tem várias residências que são geridas por uma única entidade, nas outras a deslocação torna-se mais longa.

Equivalências: 

  • Tópicos de Engenharia Biomédica
  • Imagiologia
  • Opção I
  • Métodos de Imagem Médica

Idioma das aulas: Todas as cadeira feitas foram lecionadas em inglês.

Método de avaliação: As cadeiras que fiz foi tudo por exame.

Reputação: Posição 177 no ranking Times Higher Education de 2017 global e posição 8 no ranking de universidades mais recentes.

Vagas: 2 vagas (Física)

Área de foco do mestrado: Pode-se fazer cadeiras de qualquer departamento.

Valor da bolsa: 2400€

Preço do alojamento: 300€ por mês mas depende da residencial.

Orçamento mensal em alimentação: 800€ por mês 340€ por mês da bolsa, resto do bolso próprio, orçamento total, não só da alimentação.

Pontos de interesse: Rio, parque, Ulmer Münster a igreja mais alta do mundo. Mas a cidade é pequena.

Acolhimento: Como é uma cidade pequena e o número de alunos não é tão grande, eles têm um período de integração com curso de línguas intensivo , onde se conhece o resto da comunidade internacional (pessoas de anos passados não foram e tiveram integração mais difícil). Professores acessíveis, gostavam de mostrar o que faziam em laboratórios de investigação e não se focavam apenas em lecionar a partir da teoria.

Experiência (outros comentários): No geral foi uma experiencia positiva, único aspeto negativo é o frio, para quem não está habituado ou preparado pode ser mais difícil. Mas a experiencia com os alunos e professores foi muito boa. O semestre de lá acaba mais tarde e pode-se sobrepôr ao nosso segundo semestre o que é um aspeto a considerar quando se faz a candidatura a um só semestre Erasmus.